A vitamina D, ou colecalciferol, é um hormônio esteróide, classicamente conhecido pelo seu importante papel na regulação dos níveis corporais de cálcio e fósforo e na mineralização óssea.

A principal fonte da vitamina D é através dos raios solares, onde ocorre uma formação endógena nos nossos tecidos após a exposição e outra fonte é através da alimentação, responsável por apenas 20% das necessidades corporais.

 

Deficiência em vitamina D

Estima-se que um bilhão de pessoas no mundo possuam deficiência de vitamina D devido a vários fatores:

  • exposição solar insuficiente;
  • uso prolongado de roupas que cobrem totalmente o corpo;
  • uso de protetor solar;
  • idade e pelo baixo consumo de alimentos que contenham ergocalciferol;

Sua deficiência prolongada pode provocar raquitismo e osteomalácia, além de um risco aumentado de fraturas quando associado a osteoporose.

Entretanto, a vitamina D vai além do metabolismo ósseo, ela atua na regulação de processos fisiológicos no nosso corpo, através de propriedades imunorreguladoras.

 

Melhorando a imunidade

Elas ajudam no equilíbrio e /ou regulação do sistema imune, que por sua vez, se estiver debilitado, pode estar relacionado ao surgimento de várias doenças.

Desta forma, alguns estudos epidemiológicos mostram que a deficiência de vitamina D poderia estar associada a risco aumentado de doenças crônicas como neoplasias, doença cardiovascular, diabetes, obesidade e infecções.

 

Vitamina D e a obesidade.

Diversos fatores estão sendo investigados por estarem relacionados com a sua deficiência em pessoas obesas.

Um destes fatores é pelo fato da vitamina D ser lipossolúvel, o que faz com que ocorra uma maior captação dela pelo tecido adiposo, ocorrendo o seu déficit.

Além disso, outro fator que pode estar envolvido na obesidade, é a menor conversão da vitamina em sua forma ativa no fígado, devido a presença de esteatose hepática (gordura no fígado), muito comum em pessoas obesas.

A relação da Vitamina D com algumas neoplasias baseia-se no fato de que ela exerce papel regulatório sobre os genes que estão envolvidos na transformação de células normais em cancerígenas e no ciclo celular, reduzindo a sobrevivência dessas células.

 

E o diabetes?

Outras pesquisas também confirmam a importância no diabetes, devido a secreção da insulina ser um processo mediado pelo cálcio. E alterações nesse fluxo prejudicariam a secreção da insulina.

É importante saber que a deficiência de outros nutrientes também pode levar ao desequilíbrio do organismo acentuando ou ocasionando diversos distúrbios, sendo de extrema importância uma avaliação individual do estado nutricional.

Assim, é necessário se ter bons hábitos alimentares e garantir uma exposição diária ao sol.

Siga as nossas redes sociais para acompanhar as atualizações: estamos no Facebook e no Instagram!

Reformulamos nossa loja para você ter uma navegação mais rápida e fácil.
Dá uma olhadinha lá. https://loja.vitgold.com.br/

Share: