Nutricosméticos: saiba o que são e quais seus benefícios para a saúde

A busca pela beleza sempre foi algo que as pessoas correm atrás e uma frase é certa: ela vem de dentro para fora. Isso quer dizer que se deve cuidar da saúde e nutrir o organismo para que isso se reflita no exterior e o torne cada vez mais bonito.

No entanto, consumir todos os nutrientes necessários somente com a alimentação pode ser uma tarefa difícil devido à correria do dia a dia. Sendo assim, a indústria farmacêutica desenvolveu o que chamamos de nutricosméticos ou pílulas da beleza, como também são chamados. Quer saber mais sobre o assunto? Então confira!

O que são nutricosméticos?

São cápsulas que contêm substâncias — antioxidantes, vitaminas, minerais, aminoácidos, ácidos graxos e proteínas — que nutrem o corpo, refletindo uma aparência mais saudável, com mais vitalidade e favorecendo a beleza. Além disso, podem ter apenas um componente ou ser uma combinação deles dependendo do resultado a ser alcançado.

Para que servem?

Quando não consumimos nutrientes suficientes para atender as necessidades do organismo, ele dá prioridade para mandá-los para os órgãos vitais. Com isso, pele, cabelos e unhas ficam prejudicados.

Tendo isso em vista, os nutricosméticos têm como objetivo suprir a carência nutricional e, assim, ajudar na estética corporal.

Cabelos e unhas

Uma combinação de nutrientes como biotina, zinco, queratina, cobre e selênio é capaz de fortalecer os cabelos, deixá-los mais brilhantes e saudáveis, além de tornar as unhas mais resistentes.

Pele

Eles têm diversas funções na pele e são muito utilizados para:

  • combater a acne e celulite;
  • melhorar a aparência e firmeza;
  • prevenir o envelhecimento precoce;
  • fotoproteção.

Entre as substâncias mais benéficas estão: colágeno, ômega-3, selênio, glutamina, magnésio, vitamina E, C e A, cobre, zinco, picnogenol, licopeno, astaxantina e outras.

Emagrecimento

Os nutricosméticos aliados a dieta saudável e exercícios físicos auxiliam na eliminação da gordura localizada, na redução de medidas e na drenagem linfática. Os mais comuns são L-Carnitina, óleo de coco, centella asiática, óleo de cártamo e cromo.

Têm contraindicações?

A princípio, os nutricosméticos não têm contraindicações. No entanto, deve-se evitar o uso indiscriminado, já que a superdosagem e a interação de algumas substâncias podem ser prejudiciais à saúde.

Para garantir a segurança e a eficácia do tratamento, é imprescindível que a sua utilização seja feita sob prescrição do médico ou do nutricionista. Além do mais, os nutricosméticos devem ser aliados a uma alimentação saudável e equilibrada para terem o máximo dos seus benefícios.

Onde comprá-los e como saber se são de boa qualidade?

Eles são vendidos em farmácias ou em lojas online e não precisam de receita. Dê preferência aos produtos de marcas que estão há mais tempo no mercado para assegurar que são de boa qualidade.

Vale ressaltar que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não considera o termo nutricosmético, pois só são considerados cosméticos os produtos de uso tópico.

A beleza começa pela boa saúde e os nutricosméticos vieram para auxiliar na nutrição do organismo e melhorar a aparência da pele, dos cabelos, das unhas e do corpo. Portanto, lançar mão desse recurso vai deixar você com aparência mais bonita e saudável.

Gostou do nosso post? Então deixe o seu comentário com as suas impressões, dúvidas e sugestões!

Deixe um comentário

Share This