5 sintomas do colesterol alto que você deve ficar atento

  • Home
  • Bem-estar
  • 5 sintomas do colesterol alto que você deve ficar atento

O nome colesterol é temido por muita gente, mas ele não é exatamente um vilão. Trata-se de uma substância cerosa que nosso organismo usa para proteger os nervos, fabricar tecidos celulares e produzir certos hormônios. O fígado fornece praticamente toda a quantidade que necessitamos. Entretanto, também recebemos gorduras por meio da dieta. É daí que, geralmente, surgem as condições relacionadas aos sintomas do colesterol alto.

Normalmente o excesso de colesterol por si só não provoca queixas, porém, caso os níveis estejam muito alterados, os depósitos de gordura se acumulam nos vasos sanguíneos. Isso dificulta o fluxo de sangue dentro das artérias e pode causar problemas em todo o corpo, especialmente no cérebro e no coração.

Conheça agora 5 impactos negativos para a sua saúde e qualidade de vida causados pelo acúmulo de colesterol!

1. Pressão alta

Quando alguém tem muito colesterol em seu corpo, ele pode se acumular nas artérias, que podem se tornar menos flexíveis e até entupidas. Dessa forma, o sangue não flui como deveria nas artérias rígidas e o coração precisa trabalhar mais. Como resultado, há aumento da pressão arterial e maiores chances de desenvolver outras doenças cardiovasculares.

2. Angina

O acúmulo de placa nas artérias prejudica o fluxo de sangue rico em oxigênio até o músculo cardíaco. Isso pode causar uma dor no peito chamada angina, o que não é um infarto, mas indica que a pessoa está em risco de sofrer um ataque cardíaco. Já que um pedaço dessa placa é capaz de se romper e formar um coágulo que impede o correto suprimento sanguíneo para o coração.

3. Derrame

O colesterol é um componente fundamental do cérebro humano. Essa gordura é indispensável ao desenvolvimento e à proteção das células nervosas, uma vez que permite a comunicação do cérebro com o resto do corpo.

Ainda que precisemos dele para que tudo funcione como deveria, o excesso é prejudicial e aumenta o risco de derrames. Visto que pode danificar partes do cérebro, levando à perda de memória, movimentos e outras funções.

4. Cálculos biliares

Em nosso sistema digestivo, o colesterol é importante na produção de bile — uma substância que ajuda o corpo a quebrar os alimentos e a absorver nutrientes no intestino. Contudo, o excesso de bile se transforma em cristais e, em seguida, pedras duras na vesícula biliar. Essa situação costuma ser muito dolorosa.

5. Doenças no fígado

O excesso de colesterol também fica acumulado no fígado, levando a uma doença silenciosa conhecida como esteatose hepática. Se não forem tomados os devidos cuidados, tem a capacidade de evoluir e causar uma inflamação mais grave. Com o passar do tempo, aumenta os riscos de desenvolver cirrose e insuficiência do órgão.

Normalmente é difícil identificar a tempo os sintomas do colesterol alto. A melhor forma é acompanhar por meio de um exame de sangue solicitado por um profissional de saúde. Ainda que esse problema possa ser herdado, geralmente é resultado de escolhas no estilo de vida. Por isso, uma dieta saudável, exercícios regulares, controle do peso e, em alguns casos, medicamentos podem ajudar a contornar o quadro.

Agora que você já conhece algumas das consequências do colesterol elevado, não vá se descuidar! Se gostou deste post, compartilhe em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Share This